Contas de mais de 30 mil gamers são bloqueadas por trapaça, diz empresa


Mais de 30 mil jogadores tiveram as contas bloqueadas desde abril após term trapaceado nas partidas on-line do game de tiro "Combat Arms", segundo a empresa responsável pelo game no Brasil, a Level Up!. Ela utilizou o sistema Black Cipher, que identifica e bloqueia contas que programas ilegais para obter vantagem no jogo.

De acordo com a Level Up!, A proteção garante uma camada extra de segurança contra recursos de terceiros que trazem benef*cios ilegais na disputa das partidas, criando um ambiente de competição honesta * maioria dos usuários que jogam legalmente.

O Black Cihper, segundo a empresa, tem atualização constante. “Sabemos o quanto esse tipo de programa ilegal prejudica a experiência de jogo e, por isso, estamos realizando esse trabalho intenso em parceria com a desenvolvedora [do jogo] NEXON, visando minimizar o número de contas infratoras ativas”, afirma Julio Vieitez, diretor geral da Level Up! no Brasil.

As contas que são identificadas trapaceando são bloqueadas imediatamente. A empresa garante que os jogadores que não usam esse tipo de software "não precisam se preocupar com o risco de terem suas contas bloqueadas por infrações".

"Combat Arms" é um jogo de tiro em primeira pessoa (em que o jogador enxerga a ação do ponto de vista do personagem e é totalmente português, inclusive as falas dos personagens. O download e o acesso ao jogo são totalmente gratuitos, mas o jogador pode comprar armas e itens especiais para usar nas partidas. Para obter mais informações, basta acessar o site da empresa.

G1